segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

A todos um 2013 vazio...

"A mãe reparou que o menino gostava mais do vazio do que do cheio.
 Falava que os vazios são maiores e até infinitos" 
Manoel de Barros. 

Pensando em o que dizer aos meus, e nem tão meus assim, hoje, decidi falar do que não consigo fazer, mas almejo.
Planejei, postar uma música minha que consegui despretensiosamente compor, realizando um desejo antigo de uns 3 anos ao menos, mas não deu certo ainda...
Pensei em escrever algumas indagações, aflições e constatações que tem me rondado...mas, são coisas minhas, estão amadurecendo...  essas deixo pra outra hora...adiei.
A vocês gostaria de dizer algo mais...
Estou recebendo muitas mensagens belas neste dia... dessas que todo mundo recebe e manda em todos os anos...
Estou sendo chata, é eu sei.
Mas fico feliz em recebê-las... Pode mandar.
Diferente do que já desejei em outras épocas, hoje como o poema menciona
te desejo um viver este último dia de 2012 esvaziando ele e o próximo,  você é livre em abdicar.
Mas, gostaria que diferente de mim, que você não se apegasse a um objetivo esquecendo-se do percurso dele...
planejar é ótimo, sonhar é saudável, mas não se encha...esvazie-se de cobranças que estes planos e sonhos podem te levar.
Porque sonhar e planejar sem ansiedade, expectativa ou forçações é mais saudável e te levam a realizações maiores, infinitas...e o mais gostoso de tudo...inesperadas.
Tenho experimentado isso, mas nem sempre consigo... 
Só que hoje pensando no porque, mensagens como...''acaba logo 2012" "2013 venha porque te quero"
estão tão faladas... Deduzi que seja porque as expectativas com o que não se tem, e o valor neste é maior  do que com o que se esta vivendo agora... Preocupante isso, porque não se sabe o que será... e o que se foi também foi ansiado e hoje é apressadamente deposto...e a história se repete todos os anos...
Não desejo isso pra você este ano, não te desejo um ano próspero...
Te desejo um dia ao menos... vazio de expectativas no porvir e recheado de boas surpresas...
independente se você as plantou este ano ou não...que coisas maiores e infinitas tenham mais valor...do que superficialidades temporais... que após conquistadas se tornam antiguadas e esquecidas...

Um dia 31 de Dezembro de 2012...muito bem vivido pra você.

E por fim...uma mensagen a mais...


quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Quando materiamar não é possível, Ame.


Bom, me perguntaram se a história de Fred acabava daquela forma...
Ao contrário do que talvez se pense...
Naquele dia, naquela conversa... Eu não fiz nada material por Fred.
Não ofereci um lugar pra dormir,nem dinheiro, nem nada.
Aquela que estava disposta a ajudar e ser mais uma pessoa a se importar e dizer que queria tirá-lo daquela situação... Se viu sem ação, com o “Eu não quero” repetido e dito outras vezes...
 Fui pra casa, pensando e refletindo sobre aquela conversa...
Após me deparar com tantas situações, e participar de tantas ações... me vi desarmada.
Percebi que quem foi ajudado naquele dia fui eu.
Fred me ajudou, a ver o quanto sou pequena...  involuntariamente, ele o fez.
Não vou expor aqui atitudes de amor hoje, apesar deste ser o foco do blog...
Tenho sonhos em fazer parte de muitas coisas, e muitas delas já estão acontecendo...
Como eu gostaria de abraçar o mundo!
Por conta disso, passo pelo tempo correndo...
Não há tempo certo pra ajudar alguém...
Talvez haja tempo certo pra se estar pronto a ajudar  sem pretensões  sem reservas, sem culpa, sem medo...
Assim, revejo os impulsos... e fujo daqueles que me afastam do simples, do amar.
(Fred está nas ruas ainda, sendo cuidado pelos que ultrapassam fronteiras...)

sábado, 24 de novembro de 2012

Senta que lá vem história...



Não, eu não saio por ai…procurando uma nova história,
Mas ontem conheci o Fred (nome simbólico, para não o expor, afinal Corumbá é cidade pequena).
Continuando... estava na minha centralidade sentada aguardando o ônibus lendo um livro, que acabara de comprar e é como me disseram... um desses livros que é necessário estar pronto pra ler.
Mudei de posição,  antes estava de costas para Fred e agora fiquei do lado.
Meu novo livro chamou sua atenção da mesma forma que o cheiro forte de álcool dele chamou a minha.
- Este livro é espírita?
-Não.
- Hum, parece... conhece Augusto Cury?
- Já li alguns livros dele.
- Eu gosto, as palavras dele são boas. Lá em Minas eu lia bastante.
- Ah você não é daqui?!
- Sou de minas, faz quatro anos que estou em Corumbá...nas ruas.
- E sua família?
-  Meus irmãos moram aqui.
- E porque você não mora com eles?
- Não quero ir pra casa, eles ficam me vigiando...rs. Moça, em Minas eu era pregador da palavra, meu pai e meus irmãos  também, vim realizar um trabalho aqui e fiquei...Já fiz muitas coisas erradas... tenho amigos aqui que me aconselham, tentam me tirar da rua... Mas, não quero...
- Então você que quer?!! Ou aconteceu alguma coisa que te deixou sem alternativa?
- Não eu que quero... são consequências das minhas escolhas.
- Mas é tão perigoso ficar na rua, sob efeito de drogas mais ainda, você fica sujeito a tantos  riscos.
- A senhora é psicóloga?
- rsrs...ainda não, só daqui a 4 anos.
- rsrs... já fui pra várias clínicas, mas não fico,  teve uma psicóloga que me disse uma vez, que eu não sou viciado, por que nunca roubei...Só uso drogas no meu dia de rei, é quando minha irmã me manda meu dinheiro da pensão pela morte do meu pai,  ai posso dar um “teco”... uma vez no mês só, porque preciso pagar pensão de três então fico só com 500R$, que me permite ter três dias de rei...meu problema é a cachaça.
-Você consegue ficar sem “beber”?
- Não, dá uma sede de cachaça que não fico sem.
- Então se você não tem controle está dependente e escravo disso, o grande problema de drogas e álcool, é que deixa inconsciente, podendo te deixar vulnerável a pessoas más...
- E levar a fazer coisas más também. Estou respondendo por 2 homicídios cometidos já alguns anos, fui liberado esta semana, pra ficar em regime semi-aberto.
- Que complicado heim...
- É... as consequências...(Levantou e pedindo licença foi tomar um gole, voltou com o cheiro de cana mais forte que antes). Pode continuar...
- Tá vendo... você está feliz vivendo assim?
- Não, mas as consequências me impedem... de voltar pra Deus.
- Ai que está, você não precisa esperar as consequências passarem, afinal Deus já está disposto a passar com você por elas...
- Uma vez eu ouvi algo assim...
“ Imagine um mar, e que você só precisa escolher mergulhar nele ou não" a felicidade está lá e eu não entro na água”
- Por que não entra?
- Muitos erros.
- Jesus já disse que com o passado não devemos nos preocupar,  você não pode mudar o que aconteceu... só o daqui pra frente...

Garotos (Parte2)






O Felipe me disse naquele dia que não sabia ler,
Na hora perguntei se ele sabia escrever para assim descobrir se ele Falava a verdade, e atráves de sua resposta positiva, deduzi que ele Mentira.
Me achei super esperta em questionar desta forma...
Depois do nosso bate-papo,
Ele me pediu ajuda na tarefa de casa...
E descobri que realmente, há possibilidades
De que ele  não saiba ler.
Saber ler não é apenas redigir um texto através de ditado ou cópia... Como se vê ensinando e exigindo em muitas escolas,
Saber ler remete a necessidade de saber o sentido do
Ponto de vista, uma opinião, um questionamento...
Um gostar, um entender... sonhar...lendo, interpretando assim o que Se lê... Criando um mundo de imaginação, 
Uma história mentalmente... Um saber, De saborear
Assim poderíamos ler a vida... assim deveríamos ensinar e ser Ensinados a lê-la.

quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Eu Escolho Não Esperar.



Filas, ordem,fadiga… A espera hoje me faz lembrar e sentir cansaço...
Assim como em bancos, no INSS, nas causas judiciais... as filas existem e nelas há uma ordem, seja de chegada ou por uma hierarquia qualquer...
O “eu escolhi esperar”...é muito bonito... uma frase bonita de se dizer, mas, uma verdade difícil de se viver. Convivo com adolescentes e sei o quanto é difícil pra eles...pois sei o quanto é difícil pra mim viver esta frase, relacionada ao namoro e a vida profissional por exemplo.
Não estou querendo derrubar a ideologia da espera que é linda... eu quero aqui deixar claro que apoio... mas, quero propor algo diferente...ou semelhante, de repente eu que me expressei mal.
Quero uma espera sem foco de espera...
Deixe-me fazer entender...
Hoje escolho viver... Viver o que está surgindo, o que está conquistado..o que PODE vir. Quando se espera, cria-se expectativas, e expectativas decepcionam, e quando não decepcionam, acabam sendo previsíveis e o previsível tira toda a graça da surpresa do inesperado, a não ser que se durma esperando (gosto de tentar prever...isso é chato eu sei, sem graça, virou vício, mas eu conseguirei sair dessa...rs).
Sinceramente?!... quando leio na bíblia sobre esperar, vejo Deus pedindo-me paciência, tranquilidade e não inquietação, estagmentação.
E fila?! A não existe fila pra Deus, então não precisa ficar falando que “minha vez vai chegar, ou que ela chegou” Deus é universal na proporção do amor e no entanto singular com cada ser humano, somos singulares, então Ele fala na linguagem e no ritmo de cada um de nós, Ele faz no tempo dEle, porque Ele não mede esforços de nos ensinar algo através de tudo. Se Ele realizasse nossos desejos no nosso ritmo seria super “fast” e nós não temos os sentidos tão apurados pra na velocidade gerarmos conhecimento e prazer...Queremos ter rápido o que desejamos, mas querermos ser lentos no usufruir, para usufruir ao máximo...
Então decido não esperar, decido caminhar... levantar da cadeira, sair da fila e seguir sendo surpreendida pelas possibilidades, bem escolhidas por mim... E quando não forem tão bem escolhidas assim... tudo bem, prossigamos ou retornamos.
Não, não vou sair experimentado relacionamentos como se troca de roupa pra ver qual dará certo, pra casar...calma, não é o que quero dizer, quando digo que  escolho não esperar... Simplesmente digo que... Cansei de procurar, cansei de privar-me, cansei de esperar, cansei de expectativas...
Prefiro palavras de movimento...como viver.
Sabe o que é mais legal?! É que quando me cansar de me mover posso parar e voltar a antiga espera... descansar e continuar... Contraditório né?! Então, a essência, os princípios são mais importantes que os meios... pois eles farão dos meios, caminhos verdadeiros...
 E não invisíveis em meio a palavras, as atitudes reais.

quarta-feira, 14 de novembro de 2012

Garotos




Enquanto me distraía conhecendo um garoto "Dibs, que está a procura de si mesmo"*, 
Um outro quis se fazer conhecido,
Me rodeou, 
Correu de um lado para o outro na aquirbancada da universidade, 
Pulou sobre os meus pés...
Parei minha leitura alguns instantes e me perguntei o que um garoto fazia em uma faculdade naquele horário...
Prossegui  no mundo de Dibs... até que mais uma vez fui interrompida.
- Moça! Que horas é ai?
- São 10:05.
- Hum... Obrigado!
- Ok. (Não me contive e perguntei) O que você está fazendo aqui? Vai na biblioteca estudar?
- NÃO! estou esperando meus colegas... 
- Hãm... você gosta de ler?
- Eu não sei ler...
- Não sabe?! você está em que série?
- Terceira
- Tem quantos anos?
- 10.
- Você sabe escrever?
- Sei.
- Ah então você sabe ler cara!
- (risos) É mais ou menos...Não gosto de estudar... gosto de jogar bola, fui expulso da sala de aula, baguncei hoje, ai resolvi ficar esperando meus colegas aqui,pra minha tia não desconfiar...
- Mas ela vai ficar sabendo... amanhã ela não terá que ir te levar? ou você não recebeu uma advertência?
- Não...saí antes de me entregarem...rs, não gosto de estudar...vou ir pra casa e falar pra minha tia que não teve tarefa...e vou jogar bola!
- Aff...
- Gosto de jogar bola.
- Qual o seu nome?
- Felipe .... (e disse o nome completo)
- E você já sabe o que quer ser quando crescer? (jogador de futebol, pensei)
- MARINHEIRO...(disse ele enfáticamente...rs)
- Então você precisa estudar, pra ser um oficial por exemplo.
- Eu sei...
- Vai passar pra quarta série?
- Não.
- Suas notas estão ruins?
- Mais ou menos... tenho 8 e 9.
- Isso é mais ou menos???!!!!
- Ah bom mesmo é 10!
- Rs... Sim mais não se reprova com 8 e 9...
- Por isso parei de fazer as tarefas...e bagunço na sala.
- ???????????????? Por que?!!!!!
- Por que tem uma menina na segunda série...Que com certeza vai passar para terceira, então eu planejei repetir a terceira série pra sentar do lado dela....(comemorando)
- ISSO NÃO VAI DAR CERTO!!! E se ela não quiser nada com você?
- VAI SIM...iiiihhhh óh você não sabe de nada (disse malandramente)
- kkkkkkkkkkkkk....Rapaz você acha que ela sabendo que você repetiu, vai querer sentar do seu lado????!!! Pensa comigo...faz assim, você passa pra quarta série, ai ela vai querer sua ajuda porque saberá que você sabe a matéria toda...
- Hummm é verdade...
- E OUTRA...não atrasa sua vida! 
rimos juntos...e ele me pediu ajuda pra fazer a tarefa de casa...
conclusãO???!
O amor causa déficit de atenção, dificultando o raciocínio lógico rs...

* "Dibs: A procupa de si mesmo " Livro de : Virgínia M. Axline






domingo, 14 de outubro de 2012

Materiamando-me.


Tudo que se constrói, um dia necessitará de reformas...
Ás vezes reformar apenas não é suficiente, então a gente, derruba, destrói e reconstrói, ou simplesmente destruímos e nada construímos em seu lugar...
Nada entendo de engenharia civil...
Mas estou tentando entender algumas engenharias abstratas...
Queria entender a mente das pessoas...
Mas ao passar por um retorno, retornei... e recomecei...em mim... reiniciei...
De tudo que se pode adquirir, hoje afirmo que o conhecimento é o mais perigoso...como já disse o poeta...
                                     "Um pouco de conhecimento é uma coisa perigosa, embriague-se dele ou nem mesmo prove-o." (Alexander Pope)
Na primeira oportunidade que tive, com toda a cautela que pensei estar tendo, provei desta bebida mais do que deveria... me deixou confusa e tonta.
Estive de ressaca, deprimida...e sentido náuseas... por ter deixado de investir nas bases antes de experimentar novos rumos (intelectuais).
Sei que muitos recém universitários passam pelo mesmo... uma enxurrada de informações me seduziram e me fizeram buscar mais e mais conhecimento. Não deixei de consultar as minhas bases, vistoriá-las... mas, deixei de prestar a atenção que deveria por achar que ao conhecimento intelectual a dedicação deveria ser maior devido ao meu atraso e minha dificuldade de armazená-lo... (o que me prejudica ao elaborar meus argumentos...e a confiar neles).
Com a internet as informações ficaram mais que acessíveis, tenho que concordar com um professor que diz: "Este tempo não é do conhecimento, mas, da informação!"
Realmente estamos muito bem informados... mas conhecendo pouco, e menos ainda temos auto-conhecimento.
Sei que este post pode parecer confuso... mas, tente firmar suas bases antes de se embriagar espontaneamente do novo, guarde isso.
Jesus me fez lembrar de algo importante hoje...
Preciso investir mais no meu Alicerce (Lucas 6:46-49).
cavamos a procura de alicerce pra sustentar a casa, cavamos no dia-a-dia em busca desse alicerce para termos nossa base de sustentação...
Muitos cavaram e se alicerçaram na religião, na filosofia, na ciência, nos relacionamentos, no trabalho ou no dinheiro... Muitos estão cavando nestas terras e podem vir a firmar-se nelas, pois acreditam que são uma rocha consistente, que irá sustentá-los quando as tempestades vierem.
Bom, meu Alicerce não me deixa abalar por muito tempo... só pelo tempo suficiente para que eu possa aprender com eles... Sofrer, chorar... Angustiar-me e pensar em desistir de mim e do Alicerce... acontece, mas nada disso dura por muito tempo...
Dei um tempo em algumas atividades para redescobrir e descobrir meus próprios ideais... prossigo nesta jornada...construindo-me...
De tudo que experimentei neste curto espaço de tempo... ao escolher ouvir mais do que falar por exemplo, um senhor que desconheço me disse a seguinte frase...
"Minhas verdades de hoje foram minhas mentiras de ontem e minhas mentiras de hoje, podem ser minhas verdades de amanhã"
Mudar de opinião, é uma escolha, porém como difícil é acertar ao fazê-las, concluo que necessário é ter um alicerce para não cair na insegurança, oscilação...niilismo.


Sou fundamentalista = Fundamentada em Deus... experimentando-O é que prossigo conhecendo-O... E conhecendo-me afinal...
"Confie no Senhor de todo o seu coração e não se apoie em sua própria inteligência"
 (Salomão)

sexta-feira, 21 de setembro de 2012

Nem sempre ...

... Miojo combina com feriado alone, almoçar ás 15h sim.
 
O que faz falta...
 
 
Ao prato... o vinho (álguém pode dizer.)
 
 
Ao Jazz um baixo...
 
A moça atrás da câmera... Um cavalheiro, artista.
 
Na ausência, se observa a beleza do que se está presente e do que pode vir a existir...
 

Expressar-se...

Não deixe de ler ao som da música... foi assim que me expressei hoje.
 
 
v.t. e v.pr. O mesmo que exprimir(-se).
 
Desejo ardente de explodir, um sentimento, uma idéia...uma opinião.
O poder da expressão... seja qual for o meio, mas, a artística é a melhor...rs...
sempre toca o espírito de quem para e dedica-se...
dedicação de quem expressa e de quem observa...
seja qual for o meio... a expressão que vem do profundo de si mesmo...
impacta...
 que lindo seria, se todas as canções cantadas e tocadas...
se todas as poesias declamadas e escritas,
se todas as danças bailadas,
se todos os pratos saborosamente preparados,
se todos os quadros pintados...observados...
se todo olhar, se todo tocar, falar...OUVIR.
se todo o viver...
revelasse mais sinceramente...
a expressão de um emocionar...que emociona...
 expressasse uma vida que vale ser vivida...
expressada...
valores que se preservam...
pegadas para serem pisadas...copiadas...
atitudes que revelam mais profundamente a fé que se fala...
fé que se vive...Expressa.
Amor que da vida a essa fé ...
que leva a outros viverem...e vive em favor de alguém mais, além de si mesmo...
Ah! se as pessoas fossem como os ypês, ao menos uma vez...
Se nos desabrochássemos verdadeiramente... por inteiro e  no escuro, sem preocupações com os que observam e com quem observa.
Materiamando por fazer bem... igualmente pro amado e pro amante...
Na maioria das vezes mais pro amado...enfim, dá prazer.
 

Foto: Suellen Costa
 
Os ypês do cerrado surgem em setembro, dormem árvores sem vida  e no escuro da noite desabrocham flores reluzentes e inígualáveis....amarelas, roxas e brancas...
Dizem que elas surgem somente duas vezes ao ano.
Em meio a tamanha seca, suas árvores, sem folhas porém lindas, dormem secas como mortas....
E acordam, despertam como quem ressurge do meio das cinzas...
Estive pensando... Os ypês daqui são bravos guerreiros, não sou estudante de botânica, mas, me arrisco em admirar-los não pela sua beleza quando floresce, mas pela beleza de quando se está seco, vivendo o processo...internamente exprimindo-se durante quase um ano inteiro...
Para enfim expressar-se...sem data marcada... surpreendendo.
Me veio Jesus a mente agora... Homem discreto e reluzente como os ypês...
Os ypês são lembrados duas vezes ao ano por quem passa perto de um... E Jesus também na vida de muita gente. Porém, apesar de parecerem esquecidos e morto pra muitos...ambos estão vivos e cheios de vida pra mim... Minha esperança é que  seja dada a glória e honra ao Deus criador de ambos...dignamente com que se tem de melhor a expressar... internamente, inteiramente e profundamente... expresse em adoração... no escuro mesmo e sem medo...Materiame.
 
 
 

segunda-feira, 10 de setembro de 2012

Reconstruir...

"Bom...preciso silenciar...podar-me e deixar brotar...pra curtir ao máximo este lindo processo...das dores as descobertas...escolhi me ausentar internáuticamente, pra que seja eu+Ele e os q inevitavelmente estão perto...bjus... Materiamando...desta vez a mim mesma...até...um dia! ;)"

Sim, decidi desapegar... estarei ainda no email e no blog, mas darei uma pausa ao face e ao twitter... no fim acredito poder explicar melhor.


Su Costa.

segunda-feira, 3 de setembro de 2012

Setembro e Ypês no Cerrado.

Foto: Adson Eduardo
 
 
Hoje a cidade amanheceu diferente... com pontos dourados,
um deles bem perto de mim,
que os ypês são lindos e surpreendentes acredito que já saibam...
só que aqui no cerrado brasileiro...estamos caminhando pra mais de 60 dias de seca, calor, fumaça e cinzas.
Deixei passar um dia para fotografar meu modelo preferido...
porém o calor o fez queimar...antes que eu conseguisse registrar tal beleza...
Assim passam os dias...secos e quentes.
Mas aprendi que antes que o ano termine, ele veste roupa amarela uma vez mais...

terça-feira, 21 de agosto de 2012

Descomplique-se



Hoje diferente dos meus dias comuns, após falar com Deus e "higienizar-me" fiz um tour pela internet e fui  ler um pouco sobre o Cristianismo, sobre interpretações dele na web.
Não li muito, mas o suficiente pra ver o quanto fala-se muito e muito e muito.
Deturpações, Difamações, Heresias... Julgamentos.
Li em particular e confesso que a grosso modo (pois a fadiga tomou conta de mim...em meio a tanta coisa dita e tão pouco ou quase nada verdadeiramente de Cristo) sobre duas correntes teológicas.  Comecei lendo sobre uma que está bem próxima de mim em nível territorial...do outro lado da rua. E uma segunda que me tem cativado...bastante, mas ouço tanto mal e bem a respeito que busco conhecer mais e mais seus impulsos...
Não estou querendo apontar formas corretas ou erradas de como buscar Deus... Afinal, teologias são criadas por nós... e Jesus é o meu ponto de partida e de chegada diariamente, em particular.
Mas quero desabafar mais uma vez...
Somos diferentes e assim fomos criados...respeite o diferente de você e acrescento, Deus não precisa de defensores, Ele não precisa de nada...Apenas busque-O.
O nível de sua intelectualidade nada tem haver com o nível de sua intimidade com Deus. O próprio Deus se manifesta a todos sem restrições...O saber não aproxima nem nos afasta de Deus, nos afastamos ou nos aproximamos dEle por opção... buscar sabedoria e conhecimento e um favor que você faz a você mesmo...e não a Deus.
Deus ama a todos e por conhecer a cada um na sua individualidade Ele se manifesta de forma unica para cada um de nós. 
Porque buscar teologias como referência se o próprio Deus está presente para guiar e transformar e ensinar quem Ele é. 
Prefiro aprender a amar com quem criou o amor, prefiro aprender sobre Deus com o próprio Deus.
Não complique o que é simples. 

Amém.



quarta-feira, 15 de agosto de 2012

Liberdade...


Ah a liberdade, o vento nos faz refletir sobre ela...os pássaros...
A imensidão do mar...
Todos temos uma necessidade de sentir liberdade... alguns pensam que a encontram, 
mas na verdade se prendem...encarceram.
Já me disseram uma vez que "toda concepção só o é, pra quem ela existe"...
Será que realmente é impossível se dispor e colocar-se no lugar de outrem?  
Na psicologia, chamamos de subjetividade, aquilo que naturalmente ou não, se contrói em cada ser humano  com o passar do tempo...cultura...etc.
Enfim, Cristo ensina que há uma verdade unica capaz de libertar... Ele próprio.
Quem melhor do que aquEle que nos conhece no íntimo para nos dar essa liberdade a qual tanto ansiamos...
Muitas são as propostas a venda, mas todas elas estão carregadas de opiniões, culturas referente a quem a oferece.
Cristo não, ele é alguém que nos conhece isoladamente...
Ele é quem não vende mas dá...
É quem faz liberdade ser muito mais que uma palavra.
Ouse experimentar...


                                                                                             

quarta-feira, 30 de maio de 2012

Jesus, Gandhi e ThePianoGuys


 (Leia ao som da música...é mais divertido.)





"Eu nunca acreditei que a sobrevivência fosse um valor último. A vida, para ser bela, deve estar cercada de vontade, de bondade e de liberdade. Essas são coisas pelas quais vale a pena morrer."

(Manhatma Gandhi)


Jesus também pensava assim... antes de Gandhi.
Porque sobreviver é fadiga, um fardo pesado, não há prazer quando se sobrevive.
Cristo ensina que sobreviver não é um valor último, mas, viver...
ahhh viver é (Marcos 5:21-34)
Jesus ensinou a beleza de praticar bondade e ter liberdade!
Jesus teve vontade de mudar realidades, escolheu morrer por bondade para nos dar liberdade...
Pra Jesus valeria a pena morrer pra nos dá essas coisas...
Praticar esses ensinamentos e levar outros ao mesmo,
vale a pena viver e morrer...O que será que temos feito, que realmente vale a pena viver?...
O que temos buscado? Será que ainda existe algo,
pelo qual se possa dizer que vale a pena morrer?
Jesus Cristo abriu mão de si mesmo, para mudar a história.
Acredito que essa seja a mais difícil  proposta de Cristo dentre todas...
explicita no segundo mandamento, "Ame...ao próximo como a ti mesmo"...
(porque sem a prática desta, nenhuma outra realmente acontece.)
Por nós, pelo que queremos...pelo que sonhamos... fazemos tanto,
mas pelo outro... difícil né?!
A beleza não está só em realizarmos ou alcançarmos algo...
Mas também em ser apoio para que outros alcancem, realizem...
 isso é amor.
"Amor é um verbo transitivo que diviniza" (Ricardo Gondim)...
Então divinize...Materiame...
pare de sobreviver e viva!
 vivendo e levando outros a viverem!




domingo, 15 de abril de 2012

Durante.

    

Por que focamos sempre no fim das coisas?
Por que razão o sendo, fazendo, criando, caminhando... são cruelmente excluídos, 
como se não fizessem parte
Do processo para conquistar, chegar.
Jesus caminhava...
Em toda a história... caminhava.
As mudanças aconteciam no caminho, 
Os ensinamentos eram feitos e absorvidos no caminho...
Não dar atenção ao caminho é deixar de aprender e ensinar...
é deixar de ver o melhor da viagem...
o percurso.
Riobaldo já dizia : "O real não está na saída  nem na chegada; ele se dispõe para a gente é no meio do caminho."
Se Jesus, apenas chegasse pra morre e ressurgir...
Ele deixaria o ensino único de que temos uma justificação pra nossos erros
e nenhuma opção de como seguir o caminho até Sua volta.
Que bom que Ele preferiu caminhar...

Metamorfoses... Acontecem sempre de repente. 
"No durante...".

Riobaldo é personagem de Guimarães Rosa em Grande Sertão: Veredas

terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

Quando o esperado acontece...



Inesperadamente... Simplesmente acontece...
Esse ano ganhei declaradamente presentes especiais de Deus,
Além do fato de estar respirando... Meu coração está mais que palpitando...
Estou vivendo dias deslumbrantes que chegam a me dar medo...
Nunca tive dúvidas de que Deus me ama...
Ele me surpreende, e olha que eu não facilito muito, porque já disse aqui... e muitos de vocês me conhecem bem... Eu amo tentar prever póssiveis acontecimentos...
Então, pra me surpreender só sendo muito criativo...rs
Em menos de uma semana, completei mais um ano de vida e pude desfrutar dessa benção em casa ao lado da minha família e amigos (pra quem não sabe moro há milhares de kilometros daqui), retomei as aulas de cello, fui aprovada no vestibular pra faculdade federal,  comprei o meu tão sonhado violoncelo...
Ah não sei o que fiz pra merecer tanto cuidado... tanto zelo vindo de Deus...Não me arrependo um minuto se quer... de abrir mão, do que eu gostaria que fosse, que acontecesse, que surgisse... Pra viver intensamente o não saber... mesmo nos momentos em que cheguei a pensar que o estar  tudo dando errado era uma possibilidade, graças a Deus o sentimento de arrependimento não me alcançou...chutei pra longe, com todo o sentimento fervendo em mim de estar fracassando... talvez errando...
Viver a vontade de Deus, é não saber... simplesmente não saber... E mesmo não sabendo, ter a certeza de que é o lugar mais seguro... com toda a insegurança que vivo, acredite é o que se sente  (só quem vive sabe).
Recetemente, estava vivendo em crise comigo mesma, perdida me sentido incapaz, atrasada, ultrapassada...Mas, Deus me disse o seguinte: Que eu posso ter tudo o que sonho... e viver uma vida confortável socialmente...repleta de auto-realizações... Com Ele ao meu lado e juntinho de mim sem dúvidas. Mas, Ele me fez um  convite  mais atraente. Ele me convidou a viver o incerto, o imprevisível, abrir mão do que é confortável pra mim... pra segui-lo.
Lembrei de quando Jesus convoca seus discípulos (Marcos 1:14-20,3:13-19)  imagina só, pra eles era muito mais difícil porque eles não conheciam Jesus, ouviram falar da vinda dEle mais... não imaginavam que Ele viria na época deles, na geração deles... Então chega um homem e diz pra que eles deixem tudo, a profissão, a família, o certo... Pra segui-Lo pra não sei aonde, sobreviver de não sei o que... que loucura.
O que quero dizer é que... que todos nós somos convodados para seguí-Lo, ser discípulo e abrir mão de algo sempre será necessário... Parece um tanto desafiador, arriscado não é mesmo?
 Sabe, Cada dia mais meu coração arde pra viver a vontade de Deus, mesmos com todas as crises que terei que passar comigo mesma...
Não faço idéia do que vêm por ai... rs...Mais a certeza que tenho... é de que quero viver na presença dEle, mesmo se for por um minuto apenas... Eu quero viver este minuto, toda a minha vida!
Chega de ler e dá o play vai...


quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

Estou cansada Senhor, de saber e não saber. E no entanto,
 nunca saber o bastante.
"Se você se voltar a Mim, vou colocá-la novamente de pé, e então você se erguerá diante de Mim;
Mas só se preferir o que é precioso, e não o que não têm valor"


segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

Ansiedade

Outono
Primavera
Não sei... As estações estão confusas...
Ainda é de manhã, talvez umas 7h
Caminho 
Ruas arborizada dos dois lados,
árvores de folhagens vermelhas, amarelas...verdes.
Ouço uma música...
Repenso e penso...
De novo,
Sol brilhante vento frio
A canção ressoa
Os pensamentos me angustiam
fujo deles...
Agora é fim de tarde
sol laranja, visível, redondo.
ando pelas ruas como que sem rumo
mas com rumo certo
e pensamento incerto, longe...
e Ele me diz, quase que cansado de repetir,
Espere...

Não vive sem...

DEUS...
AmA...sua FAMÍLIA, Amigos novos e ANTIGOS...Fazer AMIGOS, Fotografia, MÚSICA, Culturas, VIAJAR, Observar, INOVAR, Ouvir, LER, Refletir, ARTE, CRIATIVIDADE, Surpresa, APRECIAR, lembrar e relembrar, SENTIR, Cativar, CANTAR, contar/ouvir uma NOVIDADE, Cultivar, Saborear, SORRIR, bom CHEIRO bom, GARGALHADA, Curtir a VIDA e as PESSOAS...VIVER!