segunda-feira, 10 de junho de 2013

Calmaria...


                                                       Foto: Tanawat Pontchour
  
Mistério, cautela, espera
Silêncios
Pausas
Som.
Brilho.
Na calmaria de um deserto, tempestade de areia...
Beleza no ar, da terra.
Seca. Chão. Baião...de dois...três...um.
Solidão.
No andar cansado, ofegante, em um sertão...chão árido.
Morte e Vida...dicotomizam a estrada...
Açude, sede...esperança de que algo bom amanheça, aconteça...
Surgiu...Vida, água...Viva!
Ao som do balanço de palmeira,
A beira de água...
Vento que balanceia manso as folhas...que na água tocam...criando uma harmonia perfeita.
Que chora, esperneia...em nuances, sons, cheiros e sentidos...apurados, aguçados...
Sensibilizados...
Por vida...
Na terra,
No ar...
No peito a clamar...
“Sacia-me...a sede, que da alma vem, do corpo vem, da Terra!”
... ÁGUA! VIDA! HARMÔNIA...
Que só o Criador delas tem pra dar.
Toma. Bebe.
Alegre-se! Regozije-se! Dance...
O renovo veio...a espera acabou... a sede saciou.

(Escrito para a música de Nola Pompeo e cia ...https://soundcloud.com/nolapompeo/amarillys)


Não vive sem...

DEUS...
AmA...sua FAMÍLIA, Amigos novos e ANTIGOS...Fazer AMIGOS, Fotografia, MÚSICA, Culturas, VIAJAR, Observar, INOVAR, Ouvir, LER, Refletir, ARTE, CRIATIVIDADE, Surpresa, APRECIAR, lembrar e relembrar, SENTIR, Cativar, CANTAR, contar/ouvir uma NOVIDADE, Cultivar, Saborear, SORRIR, bom CHEIRO bom, GARGALHADA, Curtir a VIDA e as PESSOAS...VIVER!