terça-feira, 27 de janeiro de 2015

Não fuja.




“Meu Deus do céu o barulho é ensurdecedor. Por que o mundo não tá ouvindo isso?, eu me pergunto. Repito a pergunta várias vezes. Porque o mundo não tá nem aí, respondo finalmente, e sei que estou certo...
É como se eu tivesse sido escolhido. Mas escolhido pra que?, pergunto. 
A resposta é bem simples: Pra se importar e cuidar.” ¹ 

 Fechar os olhos, virar o rosto, distrair os pensamentos, mudar de assunto, trocar de canal, fechar a aba da página, rolar o mouse mais rápido, desligar a Tv, trocar a estação, mudar o caminho, atravessar a rua, tapar o nariz, os ouvidos, a voz e ser omisso.
Já dizia Bonhoeffer que "retardar ou deixar de tomar decisões pode ser mais pecaminoso que tomar decisões erradas por fé e amor." ²
Fico a pensar sobre a omissão nesse mundo bagunçado em que vivemos, e como diriam os cariocas, o mundo "tá zuado pra caraca". Me entristeço, minha'lma se abate como a do salmista... profunda e furiosamente. 
A banalização da essência tem nos levado a morte todos os dias, não somente do corpo. Digo da morte de sonhos, projetos, sentimentos, princípios, valores, sentidos e significados também... que são todos atropelados ferozmente antes de tocar o corpo. Dói mais, pois se está vivo.
Há um anseio enraizando nas veias (des)humanas que correm e escorrem sanguinárias, em busca de completude e não encontram. Anseio este, do favor próprio, amor prórpio, que emburrece. É o cuspir para o alto e cair na própria face, o guardar no bolso furado, o encher um jarro trincado, vazado. O investir em uma causa falida.
As causas próprias são falidas. Nelas tudo é vazio ou passageiro. Sem o outro de nada vale... Diria o poeta: "Tudo é vaidade". ³
Manoel de Barros nos convoca, dialogando com Jesus que "precisamos ser outros".⁴
Não na cobiça, inveja que tenta-nos a ter o outro e o que é do outro. Mas o coomprender, que diferente de entender, põe-se no lugar...caminhamos para uma sociedade cada vez mais selvagem e canibalesca. Se faz alarmantemente necessário praticar o amor, que é materiamar, que ao meu ver poderia virar um verbo. Pronto, voto em uma nova palavra, deste que a mesma só seja usada, quando a prática desta estiver evidentemente provada... Que o amor na prática, se chame mateiramar (Matéria + Amor  = Materialismo do amor)
Mas como? Como não deviar os olhos nem o rosto? Como não distrair a mente e pensamentos? como não trocar de canal, não sair da sala, não mudar de assunto? Não mudar a rota, mas traçar um roteiro. Não tapar os ouvidos, nariz e voz, mas ampliá-los e cavar mais fundo. Não se calar, mas falar e agir. Materiamar.
Ah os começos... Eles são curativos, e sempre há um. Existe um exercício simples de perceber e fácil de executar: Se entendermos que toda reação procede  de uma ação, conhecer primeiramente nossas atitudes/ações cooperariam para mudar nossas reações. Então, para mudar o modo de reagir, é preciso mudar como agimos. Mudaríamos pequenos hábitos, como fechar a torneira enquanto escovamos os dentes, limpar a casa, o quintal, o carro, bike e outras coisas... Ah seja criativo! reaproveitaríamos a água de enxágue da máquina de lavar roupa, pouparíamos água e luz. Apagaríamos a luz quando sair, aproveitaríamos mais o escuro (...pense o que quiser desde que gere prazer para mais alguém além de você e não tormenta.). Não largaríamos comida no prato, pegaríamos o suficiente. Não julgaríamos o que pede, daríamos simplesmente. Falaríamos menos, bem menos e ouviríamos mais. Dominaríamos nossos julgamentos e aliviaríamos a dor do outro.
Abnegação, compaixão, paz, solidariedade, amizade são palavras que estão sem gente dentro. Assim como o amor.
Infelizmente já sabíamos de tudo isso, mas temos sempre que resmungar que aprendemos é com os nossos erros, então ficamos esperando que uma crise venha para que nossos hábitos sejam mudados.
Pois bem, ela chegou.
Materiame. Existem aqueles que já entenderam.

Imago Dei.


¹ Markus, ZUSAK, Eu sou o Mensageiro, p.62.
² Eric, TEXAS, Bonhoeffer: Pastor, Mártir, Profeta, Espião, p. 236
³ Manoel,BARROS, Retrato do Artista Quando Coisa.

BÍBLIA. Eclesiastes 1:2.




Um comentário:

Anônimo disse...

Que sintonia de pensamentos...!!!

Amora.

Não vive sem...

DEUS...
AmA...sua FAMÍLIA, Amigos novos e ANTIGOS...Fazer AMIGOS, Fotografia, MÚSICA, Culturas, VIAJAR, Observar, INOVAR, Ouvir, LER, Refletir, ARTE, CRIATIVIDADE, Surpresa, APRECIAR, lembrar e relembrar, SENTIR, Cativar, CANTAR, contar/ouvir uma NOVIDADE, Cultivar, Saborear, SORRIR, bom CHEIRO bom, GARGALHADA, Curtir a VIDA e as PESSOAS...VIVER!